News item image

A Isuzu vai estar presente no Campeonato Nacional de Todo-o-Terreno, na categoria de T2, em parceria com a Prolama Competição, onde participará com a sua pickup D-Max, na sua geração mais evoluída de sempre. A dupla da Isuzu/Prolama, inaugura a temporada com o Team Isuzu Proracing composto pela dupla Rui Sousa e Carlos Silva, que há muito oferecem vitórias à marca: “Foi com enorme satisfação que recebemos a decisão da Isuzu de reiterar a parceria com a Prolama na construção, preparação e desenvolvimento de novas viaturas D-Max T2 para o CNTT 2017. Orgulha-nos imenso ver reconhecido o trabalho desenvolvido desde 2006 pela nossa área técnica e desportiva, onde o “Made By Prolama “ nos permite fabricar as D-Max nº 10 e Nº 11, comprovar a sua resistência e fiabilidade em prova e esperar que obtenham inúmeras vitórias e títulos na classe, como as suas antecessoras”. Numa luta contra o tempo, Rui Sousa, refere que “toda a estrutura tem dedicado os seus esforços para estar presente na Baja Loulé, primeira prova do CNTT 2017, em condições de mostrar todas as capacidades da nova Isuzu D-Max… e … embora em fase inicial de desenvolvimento estamos confiantes que esta será a melhor opção para disputar os campeonatos T2, onde o nosso objetivo é sempre lutar pelos lugares de topo retribuindo desta maneira a aposta feita na Isuzu Proracing.” Há muito que o Campeonato de T2 atrai vários participantes de todo o mundo e a edição deste ano é composta por seis etapas que se realizam entre 14 de Abril (em Loulé) e 28 de outubro (Portalegre).

News item image

Ricardo Sousa, regressa aos comandos do Citroen DS3 R1, para disputar o Rali Mondim de Basto, e vai apresentar um novo navegador. Luis Marques foi o escolhido para acompanhar a evolução pretendida para a carreira do filho de Rui Sousa. Com as alterações anunciadas pela Inside Motor ao nível dos pneus a utilizar no Challenge 2017, que passa a utilizar pneumáticos da reconhecida marca Michelin, a Prolama decidiu inscrever o Campeão nacional de iniciados no Rali de Mondim, na tentativa de encontrar no terreno as melhores afinações a utilizar no Rali de Castelo Branco, a primeira prova do calendário da competição que Ricardo Sousa vai disputar esta temporada. Ao mesmo tempo, acontecerá a estreia de Luis Marques no banco direito do DS3 R1, de forma a estabelecer uma adaptação sustentada de um navegador para o futuro do jovem piloto da Prolama. O objectivo passa assim por criar as melhores condições para o Rali de Castelo Branco, dentro de uma semana, conforme o próprio referiu; “…é para nós muito importante participar no Rali de Mondim, como teste para Castelo Branco. Depois do Rali do Algarve da época passada, onde sentimos alguns problemas, é fundamental aferir se tudo está operacional em ritmo de corrida. Da mesma forma a chegada de um novo navegador carece de alguma habituação e esta prova servirá para realizarmos diversos ajustes com vista à participação no Challenge DS3 R1 em 2017…” concluiu Ricardo Sousa. O rali Mondim de Basto realiza-se domingo, dia 5 de Março, com quatro troços, uma dupla passagem pelos troços de Ermelo e Covelo.